Mercado Público é do Povo! – Ato dos Povos Tradicionais de Matriz Africana

Os povos tradicionais de matrizes africanas organizaram na segunda-feira (17/08) um ato pela defesa do Mercado Público de Porto Alegre, mais um território negro da cidade que vem sendo cobiçado pelos grandes negócios.

O Mercado é um espaço tradicional aos batuqueiros do Rio Grande do Sul, construído por escravizados, sendo o Orixá Bará regente deste território.

Bará simboliza a energia da troca, dos caminhos e do dinheiro presente dentro do Mercado Público, sendo este, assim, um lugar sagrado.

No dia seguinte (18/08) foi barrada a entrega do mercado para a iniciativa privada, uma vitória da mobilização dos Povos de Terreiro!

REALIZAÇÃO:
Cineclube Bamako

CAPTAÇÃO DE IMAGEM E SOM:
Dayanne Santos
Gabriel Muniz

EDIÇÃO E FINALIZAÇÃO:
Gabriel Muniz

APOIO:
José Aureliano
Mãe Patty de Oxum
Ilê de Oxum e Ossanha
Karen Santos

Porto Alegre, 17 de Agosto de 2020.

ALUPÔ!

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Publicado por cineclubebamako

Cineclube sobre cinemas africanos e da diáspora. Cultura negra no Brasil e no mundo. Audiovisual e Educação Popular. Recife-PE / Porto Alegre-RS, Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: